7 de dez de 2012

Flor de primavera


Breve e ilusória alegria
Fazendo sorrir meus olhos de primavera
Flor já enraizada em meu jardim
Perfume que me chega trazido pela brisa

Breve e ilusória alegria
Fazendo chorar meu olhar de infinito
Flor perdida no horizonte
Pétalas que minhas mãos já não conseguem tocar

Breve...tão breve e ilusória alegria
Flor que me inspira
Flor que morre e nasce em meu peito
Todos os dias...

regina ragazzi

Um comentário:

  1. Limerique

    Traduz a real brevidade das flores
    Vão e vem num átimo como os amores
    Não podemos fazer nada
    Para burlar essa jornada
    Nesta vida somos apenas atores.

    ResponderExcluir

Obrigada por ter vindo. Deixe seu comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...